Três coroas negras e Um trono negro

19-12-2019

"Três rainhas negras,
Fruto da mesma terra.
Três gémeas meigas,
Agora entrarão em guerra.
Três irmãs negras -
Quais delas não se adivinha -
Mas duas terão de morrer:
Só uma será rainha."

Hello booklovers!! Já vai algum tempo que não publico nada no meu blog, tenho andado desaparecida, eu sei, mas a verdade é que não tenho tido muito tempo. Hoje, como tinha um pouco de tempo, decidi publicar um novo artigo e como podem ver é dois em um, para vos compensar estas semanas em que me ausentei. 

Hoje vou vos falar de dois livros que li este ano e recomendo vivamente que leiam os mesmo, Três coroas negras e Um trono negro, da escritora sul-coreana Kendare Blake. 

Vou começar pelo primeiro livro da série, as Três coroas negras. Faz agora um ano que comprei o livro e na altura lembro-me que ainda não tinha ouvido falar muito do livro e quando li a sinopse fiquei bastante interessada. O livro fala-nos de três irmãs gémeas e só uma delas pode vir a ser a rainha da Ilha de Fennbirn. Cada uma das irmãs tem um poder, a Mirabella consegue inflamar o incêndio mais violento ou a tempestade mais terrível. Katharine consegue ingerir um veneno mortal sem sentir os seus efeitos. De Arsinoe diz-se capaz de fazer florir a rosa mais vermelha e controlar o leão mais feroz. 

O livro encontra-se dividido por partes, na primeira parte podemos ler como cada uma treina e se preparar para as grandes festividades onde cada uma delas terá de se enfrentar, de forma a que só sobrevive uma apenas e enquanto decorrem as festividades, também tem de escolher um rei consorte, para reinar a seu lado. 

Sobre o livro, eu achei bastante bom. Todas as personagens do livro encontram-se muito bem estruturadas e a forma como o livro acaba, achei incrível, pois fiquei a desejar mais e mais. Entrei num mundo mágico e nunca mais queria sair de lá. A forma como a escritora descreve todos os pormenores de cada momento, transporta-nos para aquele mundo e o facto de no inicio termos conhecido cada uma das irmãs, ganhamos uma enorme compaixão por cada uma delas e só desejamos que as três conseguiam sobreviver. Adorei cada página e cada capitulo. Adorei tanto que mal acabei o primeiro tive de comprar o segundo mal o vi a venda, Um trono negro. 

No segundo livro, podemos ler a continuação das festividades todas e a forma como cada uma acaba por se enfrentar. Todo o suspense criado pelo fim do primeiro livro é nos revelado aos poucos no segundo livro e posso dizer que o final é também um final que nos deixa a desejar mais e mais. Desde que acabei o segundo livro, que anseio pela chegada do terceiro livro para continuar a viajar naquele mundo mágico. Vou rezar para que no próximo ano seja lançado o terceiro livro. 

Gostei desta série e recomendo a leitura, pois achei que um young adult diferente e tem um pouco de tudo, romance, mistério, fantasia. Um mundo cheio de surpresas. 

Três Coroas Negras :

Sinopse 

 "A CADA GERAÇÃO, NA OBSCURA ILHA DE FENNBIRN, NASCEM TRÊS IRMÃS GÉMEAS.

Três rainhas herdeiras de um só trono, cada uma possuindo um poder mágico muito cobiçado. Mirabella é capaz de inflamar o incêndio mais violento ou a tempestade mais terrível. Katharine consegue ingerir um veneno mortal sem sentir os seus efeitos. De Arsinoe diz-se capaz de fazer florir a rosa mais vermelha e controlar o leão mais feroz.
Mas para uma delas ser coroada rainha, não basta ter a linhagem certa. As trigémeas terão de conquistar o seu direito à coroa, lutando por ele... até à morte.
Na noite em que as irmãs completam 16 anos, a batalha começa. E a rainha que sobreviver, conquistará a coroa!"

Um Trono negro:

Sinopse

"A BATALHA PELA COROA COMEÇOU, MAS QUAL DAS RAINHAS VENCERÁ?
Depois de uma Cerimónia de Beltane marcante e com o Ano da Ascensão a decorrer, é altura de rever as apostas e escolher um lado.
Katharine, a gémea frágil e fraca, está mais forte que nunca. Arsinoe tem de descobrir de que forma o seu dom secreto a poderá ajudar. E Mirabella, a vencedora desejada, enfrenta uma oposição nunca vista... e de que poderá não se conseguir defender.
Neste novo capítulo da autora bestseller do New York Times, as rainhas mais mortíferas do mundo têm de enfrentar o implacável obstáculo que se lhes apresenta: elas mesmas."